Plataformas para trabalho freelancer

Descubra algumas das mais populares plataformas para trabalho freelancer

Para quem deseja fazer uma renda extra, ou para aqueles que tem um pequeno negócio e desejam crescer, o maior desafio é como conseguir clientes.  Para resolver este problema, existem as plataformas de freelancers, que fazem a ligação entre os clientes e os profissionais. Nestes sites, os clientes cadastram os seus projetos, e você pode se candidatar para fazer o serviço.

Existem certas características comuns entre estas plataformas, que são as seguintes:

1 - A assinatura é gratuita para o profissional

2 - O valor do projeto é fechado, o pagamento é feito adiantado para a plataforma.

3 - Se o cliente aprovar o serviço, ele libera o pagamento, caso contrário o dinheiro é devolvido.

4 - A plataforma fica com uma parte do valor, como comissão.

5 - Como as plataformas praticam o conceito de "gamificação", quando melhor for a avaliação dos seus clientes, você vai ganhando destaque na plataforma.

Quais os tipos de serviços que você prestar? Existem plataformas para os mais variados ramos, aqui vão alguns exemplos de categorias de serviços muito comuns nestas plataformas:

1 - Criação de sites ou lojas virtuais

2 - Marketing em redes sociais

3 - SEO (Otimização de conteúdo de sites ou blogs)

4 - Redator (seja de posts de blogs ou de ebooks)

5 - Planilhas

6 - Criação de aplicativos (pedidos de aplicativos parecidos com o Uber ou Ifood são comuns).

Neste artigo vou comentar sobre 3 plataformas que eu conheço, que são o Workana, o 99Freelas e o GetNinjas. Abaixo segue minha descriçao destas plataformas.

WORKANA - No Workana o nível de entrada permite 5 contatos com potenciais clientes por semana, e permite apenas 1 projeto em andamento por vez. A comissão que o Workana cobra é de 20% do valor que você informou para o cliente. De acordo com a avaliação dos projetos que você entregou, você pode subir de nível, o que aumenta o número de contatos e permite mais de um projeto ao mesmo tempo. A comissão do Workana pode diminuir a medida que você for ganhando mais dinheiro na plataforma. Você também pode assinar planos que permitem aumentar as conexões e liberar outros recursos.

Para quem vai assinar, possui muitas opções que podem ajudar a se destacar. Porem, o contato com o cliente somente é permitido dentro da plataforma, se você passar dados pessoais acaba sendo bloqueado.

https://www.workana.com

99FREELAS - Existe uma comissão de 15 a 7% do valor que você informou em sua proposta, mas este valor é pago pelo cliente. Da mesma forma que o Workana, existem planos que ajudam a se destacar. Alguns projetos ficam reservados por um tempo para os assinantes, e depois são liberados para os demais usuários. Uma vantagem em relação ao Workana é que a plataforma permite um contato direto com o cliente, o cliente não é penalizado se mandar os dados de contato para você. 

https://www.99freelas.com.br

GETNINJAS - O GetNinjas é que o tem a maior variadade de categorias de projetos, e sem dúvida, é o mais conhecido. A forma de tabalho deles é diferente dos demais, eles não intermediam o pagamento, a plataforma faz a ponte entre o contratante e você. A plataforma trabalha com o conceito de "moedas", que você deve comprar para poder liberar o contato de algum cliente de seu interesse. Os valores dos pacotes, no momento em que este artigo era escrito, variavam de 150 a 600 reais.

https://www.getninjas.com.br

CONCLUSÃO

A escolha de uma plataforma para prestar serviços vai depender muito do seu perfil profissional. 

Vou enumerar os pontos positivos e negativos que eu identifico.

Pontos Positivos

1 - Permite você ter acesso aos cliente, sem investir em meios próprios de divulgação.

2 - Dependendo da plataforma, existe uma maior segurança em relação ao pagamento, já que ele foi feito adiantado para a plataforma.

3 - De acordo com a avaliação do seu cliente, você pode ir se destacando.

Pontos Negativos:

1 - Por causa do valor dos projetos ser fechado (o cliente precisa pagar antes em alguns casos), geralmente os valores envolvidos são baixos.

2 - Devido a quantidade de profissionais interessados, o que acaba ocorrendo é um "leilão", onde quem ganha é aquele que oferece o menor valor ou entrega mais rápido (ou a combinação dos dois).

3 - De acordo com as regras da plataforma, podem haver restrições no contato com o cliente.

4 - Para se destacar, pode ser necessário assinar algum plano.

Se você está entrando no mercado de trabalho, qualquer uma dela pode ser interessante, já que você vai dispor de tempo para atender o seu cliente. Também pode servir para você ganhar experiência, enquanto você não consegue um emprego formal.

Por outro lado, se você já tem um trabalho formal em horário comercial, e deseja fazer um extra, pode ter alguns obstáculos, exatamente por causa de horário. Trabalhos que envolvem a criação de conteúdo ou marketing podem não ser um problema, mas desenvolvimento de sites ou aplicativos acaba exigindo um maior contato com o cliente, ou possuem um prazo curto. Em alguns casos, o cliente pode ser uma empresa que terceirizou o serviço.

Para finalizar, algumas dicas:

1 - Procure criar um portfólio. Você pode criar um site próprio ou utilizam plataformas como o Behance.

2 - Crie propostas personalizadas para cada projeto.

3 - Como os valores são fechados, procure tirar todas as dúvidas antes de mandar valores. Lembrando que dependendo da plataforma que você escolheu, o valor final (para o você ou o cliente) vai ser diferente.

4 - Detalhe todo o serviço na proposta, junto com o valor, para evitar problemas futuros.

 

 

Quer conferir mais dicas sobre JavaScript? Clique aqui e veja mais dicas!

Veja outros conteúdos que podem ser de seu interesse